PUBLICIDADE

Banner

No carnaval vale tudo, ou quase tudo!

capa-fantasias-carnaval-amigas-madamices.png

(Foto: Reprodução)


 
O carnaval já está virando a esquina, dando sinais da sua chegada triunfal, avisando que está chegando a hora da gandaia iniciada com os bloquinhos da prévia, que lotaram as ruas e avenidas do país. 
 
No último finde os bairros de Aracaju foram tomados por dezenas de cortejos, com os foliões dançando, pulando e chacoalhando freneticamente, exalando uma animação que demonstrava ser somente o prenúncioto da fuzarca preferida pela maioria do povo brasileiro.    
 
Por outro lado, as lojas especializadas e o comércio atraem clientes de todas as idades em busca de adereços e fantasias para todos os gostos intenções e pretensões, das mais variadas especialidades: tiaras, quepes, chapéus, ombreiras, bodies, pochetes, viseiras, franjas, quimonos, cílios coloridos, perucas, glitter, luvas, paetês... mas o item da vez, que tem enchido os olhos da rapaziada é o tapa-mamilo ou tapa-teta, em formatos e tamanhos variados. Mas, as mais ousadas, que querem ter pouco trabalho, usa fita adesiva larga e faz um “x” na área. 
 
Quanto aos homens, de novo, sairão vestidos de mulher: índia, cigana, nega maluca, enfermeira ou com máscaras de políticos. Vale tudo, ou quase tudo!