PUBLICIDADE

Banner

No Coração De Alguém Que Esteve Aqui

Data do evento - 30 de Janeiro de 2019

Araripe Coutinho foto Lúcio Flávio.jpg

Araripe Coutinho (foto: Lucio Telles)


 
Depois do lançamento do selo alusivo ao cinquentenário dele, acontecido no último dia 13 de dezembro, agora chegou a vez da vida e obra do saudoso poeta "Araripe Coutinho' ser mostrada através de uma elaborada exposição a ser inaugurada no próximo dia 30 de janeiro, a partir das 18h, tendo como espaço a "Galeria Jenner Augusto", fincada na "Sociedade Semear", localizada na Rua Vila Cristina. 
Neste momento, aquele que foi um dos poetas mais irreverentes da história cultural de Sergipe será homenageado através de uma mostra que certamente irá emocionar os amigos, parceiros, conhecidos, admiradores e demais visitantes.
Com a curadoria e anteprojeto assinado pela acadêmica, 'Antônia Amorosa', ocupante da cadeira 33 que tem como patrono, o homenageado, a exposição integra ações do seu cinquentenário, tendo a concepção cenográfica desenvolvida pelo trio formado pela arquiteta 'Ana de Cáscia Martins', 'Hélio Aguiar' e pela designer de interiores, 'Luciana Galvão', além da participação especial em um ambiente, da arquiteta, 'Mariana Albuquerque'. 
A exposição exalta a história do poeta, jornalista, órfão de mãe viva, cidadão que transitava pelos grandes eventos da cidade, tendo o mesmo acesso às classes menos favorecidas ou vulneráveis - ao ponto de desenvolver projetos sociais desconhecidos por muitos, além de ter atuado intensamente pela valorização da literatura. 
Inquieto e inteligente, 'Araripe Coutinho' viveu 45 anos na arte de criar, ousar, escrever, servir aos grandes e pequenos, desafiando os limites pessoais e alheios através dos seus textos ou comentários provocativos. Polêmico, foi amado por uns e odiado por outros, sem passar despercebido. 
 
Ambentes da exposição
 
Com o espaço da "Galeria Jenner Augusto" dividido em mais de dez ambientes, a exposição destaca aspectos cronológicos, jargões e conceitos que revelam seu estilo, suas ações culturais e sociais, sem esquecer do episódio do museu que foi assunto nacional, por conta de um ensaio fotográfico realizado pelo poeta no Palácio Museu Olímpio Campos. Além disso, objetos do seu acervo e um espaço interativo fazem a tônica expositiva. 
 
Visitação
 
Para ter acesso à exposição que terá monitoramento, é necessário encaminhar a mensagem “Eu quero visitar a Exposição sobre Araripe” para o email exposicao50@gmail.com.  As informações para visitação também podem ser feitas pelo whatsApp (79) 99849-8249 ou +56 9 57938180. Os horários de funcionamento ocorrerão até o final de março, de quarta a sábado, sempre das 18h às 21h.